Maior mina de bauxita

Lúcio Flávio Pinto

A Companhia Brasileira de Alumínio (CBA) está buscando parceiros para construir o projeto Rondon, no Pará, avaliado em R$ 2 bilhões e que pode atingir a capacidade de produção de até 18 milhões de toneladas de bauxita por ano. A empresa afirma que já mantém “conversas” com possíveis interessados, mas sem revelar nomes.

(Fonte: Notícias de Mineração Brasil)

___________

Se essa produção foi alcançada, Rondon terá a maior mina de bauxita do Pará e do Brasil. A CBA, da família Ermírio de Moraes, passará à frente da Mineração Rio do Norte (da qual é sócia) e da Mineração Paragominas (da Hydro).

Ver o post original

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.