Abordagem Centrada na Pessoa (ACP) é uma abordagem em psicoterapia desenvolvida pelo psicoterapeuta estadunidense Carl Rogers (1902-1987), com foco nos aspectos positivos do ser humano e no desenvolvimento de suas potencialidades.

Rogers tomou a experiência vivida como ponto de partida para a elaboração de sua teoria e prática, considerando a subjetividade e os significados atribuídos por cada pessoa como a realidade de cada um, que é orientada por suas próprias experiências.

Segundo ele, os sentimentos e as percepções se misturam com as experiências vividas. Na relação terapêutica, o terapeuta tem o papel de um participante ativo do encontro terapêutico, ao invés de um mero observador, e a pessoa é tomada como a base da relação terapêutica.

Esta abordagem parte de uma vertente humanista, pois tem o ser humano como foco e como fim em si mesmo, porém sua teoria também se utiliza de conceitos do existencialismo e da fenomenologia. O humanismo corresponde a uma atitude em favor do ser humano, entendido como sujeito em ação e relação com o mundo.

Leia o texto completo no link abaixo:
http://www.ex-isto.com/2019/04/abordagem-centrada-na-pessoa.html

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.